Diminuir tamanho da fonte Aumentar tamanho da fonte

Brasil dá recado a Bolsonaro com estudantes e trabalhadores na rua, diz Pedro Kemp

Campo Grande, 15/05/2019

Dizer um não à politica do governo Bolsonaro que faz controle ideológico nas universidades mas quer implantar a sua ideologia do Estado mínimo fundamentalista e autoritário. Hoje é um dia de luta da Educação pública. Nós queremos um Brasil, livre e democrático e que tenha Educação de qualidade para os seus filhos. Hoje nós vamos dar um recado para o governo Bolsonaro. O Brasil inteiro, os estudantes estão na rua protestando. E hoje também é dia de dizer não à Reforma da Previdência!

 

O Mandato Pedro Kemp participou nesta manhã de um dos momentos mais importantes da luta pela Educação do nosso País. Acadêmicos da UFMS (Universidade Federal de MS) e representantes sindicais e dos movimentos sociais fecharam parte da avenida Gury Marques, em protesto contra o Governo Bolsonaro que cortou recursos fundamentais para os ensinos básico e superior.

Acadêmicos, educadores e administrativos da Educação se posicionaram contra a Reforma da Previdência.

Os administrativos na Educação de MS (merendeiras, auxiliares de serviços gerais) são os que têm os menores salários da rede estadual. Eles também protestaram contra o governo do Estado, que ameaça ampliar de 6h pra 8h a jornada de trabalho. Os servidores reivindicam também o abono salarial e a convocação dos concursados.

A multidão fez uma caminhada até o Terminal Morenão – cerca de 1,5 km – e recebeu o apoio dos motoristas que buzinavam e acenavam. De lá, voltaram para a UFMS e se concentraram em frente ao monumento “paliteiro” – O monumento é alto, com peças esguias de concreto, com um lago na base e recortado de árvores do cerrado.

As 24 colunas horizontais nascendo da água, que representa a vida, expressam o dinamismo da juventude. As colunas orientadas para o alto (infinito),representam as aspirações sem limite dos jovens.

Jacqueline Lopes DRT-078 MS

 

Compartilhe: