Diminuir tamanho da fonte Aumentar tamanho da fonte

Ministro de Bolsonaro chama brasileiro de ladrão e recebe moção de repúdio aprovada por deputados na Assembleia

Campo Grande, 07/02/2019

Aprovada a moção de repúdio, proposta pelo deputado estadual Pedro Kemp (PT-MS) ao ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodriguez, em razão das declarações em uma entrevista concedida à Revista Veja, em que afirma que “o brasileiro viajando é um canibal. Rouba coisas dos hotéis, rouba assento salva-vidas do avião. Ele acha que sai de casa e pode carregar tudo”. Os deputados estaduais por Mato Grosso do Sul aprovaram a Moção de Repúdio na votação desta quarta-feira (6).

Kemp subiu à tribuna para afirmar que considerou a declaração “ofensiva, grosseira e antipatriota.

“Como que uma pessoa pública, ainda da pasta da Educação, se dispõe a falar isso de mim, de você, de todos os brasileiros? Se nós não repudiarmos essa fala, nós estamos concordamos com ela. No Congresso Nacional foi apresentado pedido de comparecimento do ministro para declarar desculpas. É preciso ter respeito. Não estou contra uma pessoa ou um partido, estou contra uma fala, um ato. Não podemos aceitar essa ofensa”, disse o deputado do PT.

A Moção de Repúdio foi aprovada por 8 votos a 7, com voto de desempate do presidente Paulo Corrêa (PSDB), que votou pela aprovação. Indicações e requerimentos apresentados na sessão anterior também foram aprovados.

Votaram pela Moção de Repúdio os deputados: Lídio Lopes (Patriota), Zé Teixeira (DEM), Renato Câmara (MDB), Pedro Kemp (PT), Marçal de Souza (PSDB), Herculano Borges (SD), José Carlos Barbosa (DEM), o Barbosinha e Paulo Corrêa (PSDB).

 

Jacqueline Lopes – DRT-078/MS

Assessoria de Imprensa Mandato Participativo Pedro Kemp

Compartilhe: